Emanuel Lasker (1894 - 1921)

A INFÂNCIA

Emanuel Lasker nasceu em 24/12/1868, numa pequena cidade em Brandenberg - Alemanha, aproximadamente cinco horas de distância de Berlim, de trem ( daquela época).

Seu avô, foi o rabino de Lessen, respeitado pela comunidade judaica alemã, seu pai Adolf, foi o cantor das sinagogas de Berlinchen, sua mãe também de tradicional família judaica de cantores.

Seu irmão, Bertold, 8 anos mais velho, ensinou-lhe a jogar xadrez. Bertold Lasker foi um notável médico de renome em toda Europa.

A JUVENTUDE

Foi prodígio na matemática, biologia e filosofia, na escola em Berlim. Ao visitar o famoso Café Kaiser Hoff, tornou-se seu melhor jogador. Convidado para Breslau, num forte torneio mostrou seu genial talento, vencendo seus rivais.

Sua fama espalhou-se pela Europa. Convidado para Londres venceu o extraordinário campeão Inglês J.H. Blackburne, em 10 partidas venceu 6 e empatou 4.

Em 1893 ( tinha 25 anos) , foi aos EUA, no torneio de Nova York, venceu todas 13 partidas!

Vence o campeão americano Jackson Showalter por ( + 6=1-2)

O CAMPEONATO MUNDIAL

A Qualidade do seu jogo tornou o mesmo, ao lado de Siegbert Tarrasch os próximos adversários do campeão Wilhelm Steinitz.

Steinitz primeiro campeão mundial estava já velho e doente e era considerado invencível.

O MATCH PELO TITULO

Após longas negociações, finalmente em 15 de março de 1894 tinha 26 anos, travou-se o sensacional e histórico match, nas cidades de Nova York, Filadelphia e Montreal; Lasker venceu 10 partidas, perdeu cinco, empatou quatro. Tornando-se o novo campeão mundial.

Em 1985, apanha a febre tifóide e escapa milagrosamente.

Na revanche em Moscou venceu novamente Steinitz por 10 vitórias, 2 derrotas e cinco empates no ano de 1896, logo após ter estado às últimas.

A CONQUISTA DO DOUTORADO

De 1897 à 1899, deixou o xadrez de lado e passou a exercer sua grande paixão pela matemática e física, escrevendo trabalhos extraordinários em ambas ciências.

Entrou, na Universidade de Heidelberg, transferindo-se após para a de Erlangen, onde recebeu o PHD em matemática. Sua dissertação foi sobre "calculo geométrico e número ideiais usados na álgebra". Na sua defesa de tese, expõe seu célebre teorema sobre a "Teoria de Espaços Vetoriais".

Em 1899, vence o Torneio de Londres, 4 pontos acima do segundo colocado vencendo 18 empatando 7 e perdendo 1, para H. Blackburne.

Em 1900, vence o Torneio de Paris com 14 vitórias, 1 empate e 1 derrota para Frank Marshall.

OS MATCHES DESAFIOS E SEU CASAMENTO

Em 1907 derrota, Frank Marshall campeão americano, no match desafio. Em 1908 à Siegbert Tarrasch, em 1909 a David Janowski.

Em 1908 , casa-se com Martha Kohn neta do grande compositor judeu alemão Giacomo Meyerbeer. Martha era mais velha do que Lasker, e viúva e avó. Lasker afirmou após o casamento.

"Acabo de me transformar, de repente em marido pai e avô". Martha faleceu dois anos depois.

Em 1909 vence o Torneio de São Petersburgo empatando com Akiba Rubinstein.

Em 1910 empata o match com Carl Schlechter e mantém o titulo. Todos os acima citados eram de origem judaica com exceção de Frank Marshall. Ainda em 1910, vence um match contra Davi Janowski.

Em 1914 vence o Torneio de São Petersburgo, 1/2 ponto acima de Capablanca ( ver partida no final da biografia). O Czar Nicolau II deu o titulo de grande mestre aos 5 primeiros colocados: Lasker, Capablanca, Alekhine, Tarrasch e Marshall.

Lasker tinha defendido o titulo por 3 vezes em 13 meses.

A 1a Grande Guerra, apagou o xadrez da cena mundial.

A PERDA DO TITULO

Passaram-se 7 anos após seu último desafio!

Em 1921 perde o titulo para o genial cubano José Raul Capablanca. A Juventude desta vez era a de Capablanca(32), Lasker (52) pagou caro em jogar em Havana num clima para ele hostil. Lasker tinha sido campeão por 27 anos e 337 dias!

A VELHICE GLORIOSA

Em 1924, Lasker volta a ser 1º no Torneio de Nova York com 16 pontos. Capablanca fica em segundo (36) com 14,5 e terceiro Alekhine (32) 12 pontos.

Em 1925, em Moscou temos novamente Lasker, com um brilho extraordinário, está beirando os 60, mas chega em 2º acima de Capablanca. Foi o último torneio em que alcançou o 1o lugar.

De 1895 a 1924 Lasker tinha jogado 10 torneios. Foi 1º em 8, 2º em 1 e 3º em 1.

Sua luta em conseguir fundos para o match revanche com Capablanca foram inúteis.

A FUGA DA BESTA NAZISTA - A VELHICE MISERÁVEL - A MORTE DO GÊNIO

Em 1933 Lasker grande lutador anti-nazista deixa a Alemanha como milhares de judeus, para escapar do Holocausto, refugia-se nos EUA, depois de passar pela Inglaterra. Hitler tinha assumido o poder e implantado o terceiro Reich e iniciava a Segunda Guerra Mundial, após formar o eixo Berlim-Roma-Tóquio.

Nos EUA, velho e alquebrado, sustenta sua extraordinária esposa, tinha-se casado de novo no meio de extremas dificuldades, jogando partidas por 50 centavos, ele que tinha sido campeão mundial!

Morre na completa miséria em Nova York em 13 de maio. Sua irmã foi morta no mesmo mês na Alemanha numa câmara de gás nazista. Seus bens tinham sido confiscados em 1934, na Alemanha, e seus livros queimados na famigerada "Noite de Cristal" pelos nazistas.

Imprimir Documento